Yoga

O que é Rocket Yoga?

Precisa de orientação e clareza no amor, relacionamento, carreira e muito mais? Clique aqui para obter uma leitura de meditação personalizada

O Rocket Yoga é a versão modificada do Ashtanga Yoga, projetada especialmente para aqueles praticantes que consideram este último um desafio. Como o Ashtanga Yoga, também inclui Surya Namaskar, posturas sentadas, torções e curvas.

No entanto, estas podem ser modificadas das poses tradicionais conforme a conveniência de cada um. Assim, todos os praticantes, mesmo aqueles com incapacidade física para praticar Ashtanga Yoga, podem praticar o Rocket Yoga.

A sequência de Rocket Yoga permite que o praticante interprete sua própria maneira de acessar as posturas para que ninguém fique para trás durante a prática. É bastante popular entre os praticantes ocidentais, incluindo celebridades como Madonna, Willem Dafoe, Sting e Christy Turlington.

É formado pela combinação da primeira, segunda e terceira séries de Ashtanga Yoga e praticado seguindo o ritmo combinado de respiração e movimento. Embora a prática pareça envolver posturas físicas, seus benefícios ainda estão muito além dela.

Além de promover flexibilidade, força e estabilidade, abre espaço para mudanças e liberdade nas práticas de yoga. Mergulhe mais fundo para entender melhor como ele visa se divertir enquanto limpa a mente e o corpo por dentro.

Origem do Rocket Yoga

A natureza hierárquica estrita da prática tradicional de Ashtanga, que todo praticante é incapaz de alcançar, deu a inspiração a Larry Schultz para desenvolver rocket yoga também conhecido como ‘The Rocket’.

Larry foi discípulo do fundador do Ashtanga Yoga, K. Pattabhi Jois, e o praticou seguindo a maneira tradicional por sete anos em Mysore, Índia.

Mais tarde, Larry voltou para San Francisco em 1989 e começou a ensinar Ashtanga Yoga lá. No entanto, sua abordagem de ensino era diferente da forma tradicional, pois ele queria que todos os seus alunos tentassem acessar cada pose, independentemente de seu nível de prática ou experiência.

Esta abordagem contrastante da prática Ashtanga onde só se pode avançar nas poses depois de ganhar experiência com a aprovação do professor Larry para desenvolver ‘The Rocket’. Devido à persuasão do caminho não tradicional do ensino de yoga, Larry é frequentemente tratado como o “ Bad Boy de Ashtanga ”.

Clique aqui para obter uma leitura de meditação personalizada

Inicialmente, Schultz se referiu à sua prática como uma forma de Power Yoga. Mais tarde, em meados da década de 1990, quando Schultz estava viajando como instrutor particular de ioga da banda “The Grateful Dead”, um de seus membros, Bob Weir a chamou de “Rocket Yoga”. O Rocket é uma série de poses de fluxo dinâmico em ritmo acelerado, daí o nome.

A sequência de ioga de foguete não apenas compartilha benefícios mútuos como Ashtanga ioga, mas também é categorizada da mesma maneira, pois é dividida em três séries que nos levam para a próxima seção.

A sequência de foguetes

A sequência de ioga de foguete, também conhecida como sequência de foguete, é dividida em três séries, a saber, Rocket I, II e III. Essas três séries contêm 142 poses que começam com um aquecimento após as saudações ao sol A e B com uma curta meditação sentada e descanso, referido como “MDR” ou “requisitos diários mínimos”. Em seguida, são seguidas por 66 poses em pé, sentadas e girando. Por fim, a prática termina com a tradicional série de fechamento.

1. Série Rocket I

A série primária de rocket yoga compartilha semelhanças com a série primária de Ashtanga Yoga da seguinte maneira:

  • É composto principalmente pelos abridores de quadril e poses de flexão para a frente.
  • Eles visam fortalecer as pernas e o núcleo.
  • Balanças de braço especiais e inversão também estão incluídas nesta categoria.
  • Modificação de Navasana e Supta Konasana são ensinadas durante a prática do Rocket I.

2. Série Rocket II

É formado pela introdução de modificações na segunda série de Ashtanga Yoga, pois envolve:

  • Técnicas de backbends e torções da coluna vertebral de poses sentadas da série de ioga intermediária Ashtanga.
  • Poses como Bakasana e Supta Vajrasana estão principalmente envolvidas na segunda série do Rocket.
  • Esta série é um impulsionador de energia que atua de forma complementar à primeira série.

3. Série Rocket III

A última série do Rocket é composta pela fusão do Rocket I e do Rocket II e leva em consideração o seguinte:

  • Envolve poses que visam construir a força e a flexibilidade do praticante.
  • A maioria das poses tem os elementos de torções, dobras e equilíbrios.
  • Esta série dinâmica e de ritmo acelerado oferece uma transição divertida da série I a III de Ashtanga, por isso muitas vezes referida como “The Happy Hour”.

O que torna o Rocket Yoga único?

Rocket yoga é bem diferente de Vinyasa, Ashtanga, Bikram ou qualquer outra forma de yoga . É uma forma lúdica e bem estruturada, de fácil acesso para cada praticante. Algumas das características únicas da sequência do Rocket Yoga são reunidas quando comparadas com outras formas de yoga:

  • A USP de rocket yoga é considerada o fato de não seguir nenhuma abordagem hierárquica entre suas poses.
  • É mais uma atividade iogue divertida ou lúdica e é por isso que se encontra sob uma prática menos intensa do que a do Ashtanga Yoga.
  • As sequências de Rocket Yoga são menos rígidas e podem ser modificadas pelo praticante.
  • Os praticantes podem até pular uma pose ou realizá-la de maneira diferente com conforto se se sentirem presos em algum nível.
  • A prática é focada em seguir uma abordagem repetitiva, pois a mesma sequência de ioga sempre será ensinada.
  • Todas as posturas que são praticadas na sequência de Rocket yoga são mantidas por um período mais longo do que na prática de vinyasa yoga.

poses de ioga de foguete

Algumas das poses da sequência de rocket yoga são descritas aqui, leia mais para obter uma compreensão mais profunda.

Clique aqui para obter uma leitura de meditação personalizada

1. Postura do Guindaste (Bakasana)

A postura do guindaste é uma postura intermediária que é praticada equilibrando o corpo levantado nas mãos. Esta postura ajuda a aumentar a força, resistência e flexibilidade. Para permanecer estável nessa postura, é necessário concentração e atenção plena, portanto, a postura do guindaste também estimula o sistema nervoso.

Como fazer:

  • Comece em pé, colocando os braços nas laterais.
  • Dobre os joelhos e dobre para a frente, colocando as palmas das mãos no chão sob os ombros.
  • Mantenha os dedos bem afastados pressionando a articulação superior dos dedos.
  • Levantar os calcanhares até as pontas dos pés e alargar os joelhos alinhando-os com os braços.
  • Transfira todo o seu peso para as mãos levantando a cabeça e fique na ponta dos pés.
  • Levante o pé um por um do chão mantendo a parte interna das coxas engatada e os joelhos pressionados contra os braços.
  • Tente aproximar os pés dos quadris e segure por 5 a 10 respirações.
  • Expire e transferindo o peso para trás, abaixe os pés até o chão.

2. Postura do Pavão (Mayurasana)

A postura do pavão é uma postura avançada de equilíbrio das mãos que envolve pulsos, antebraços, núcleo e músculos das costas. O corpo é levantado do chão horizontalmente com apenas as mãos no chão e as pernas são levantadas mais alto com os dedos dos pés apontando para cima.

Essa postura acalma o cérebro, melhora o foco e fortalece o núcleo. Além disso, é terapêutico para diabetes e constipação. Melhore o equilíbrio do seu corpo entrando na pose do pavão, conforme descrito abaixo:

Clique aqui para obter uma leitura de meditação personalizada

Como fazer:

  • Comece sentado em virasana mantendo distância entre os joelhos.
  • Incline-se para a frente e coloque as mãos no chão com os dedos e dobre levemente os cotovelos voltados para você.
  • Pressione as palmas das mãos no chão pressionando simultaneamente o tronco contra a parte de trás dos braços.
  • Estique os joelhos e estenda as pernas para trás com os dedos dos pés apontando para o chão.
  • Equilibre o corpo nas mãos e nos pés.
  • Envolvendo o núcleo, desloque o peso do corpo para a parte superior do corpo.
  • Apertando as coxas juntas, levante os pés do chão, um de cada vez.
  • Mantenha essa posição equilibrando todo o corpo nas mãos por 10 a 50 segundos olhando para frente em direção ao chão.

3. Postura de Oito Ângulos (Astavakrasana)

A postura de oito ângulos também é uma postura de equilíbrio que é bastante desafiadora por natureza. Envolve flexão frontal e lateral, juntamente com elementos de torção e alongamento.

Essa postura ajuda na desintoxicação do corpo, melhora o equilíbrio, fortalece os pulsos, braços e ombros. Além disso, tonifica as coxas e o abdômen. Também é conhecido por desenvolver a confiança junto com a força física.

Como fazer:

  • Comece sentado em uma posição de pernas cruzadas.
  • Abrace sua coxa direita em seu peito e estenda a perna esquerda para fora.
  • Passe o braço direito sob o joelho direito passando pela parte interna da coxa direita.
  • Mantenha o joelho direito o mais alto possível no braço direito abrindo os quadris.
  • Firme ambas as mãos no chão e pressionando as palmas levante seu corpo junto com a perna esquerda do chão.
  • Dobre o joelho esquerdo levando o pé esquerdo para a direita e enganche ambos os tornozelos.
  • Estenda as pernas para o lado direito, dobre simultaneamente os cotovelos e desloque o peso do tronco para a frente, deixando-o paralelo ao chão.
  • Segure aqui por algumas respirações e solte as pernas para sair da pose.
  • Repita o mesmo do outro lado.

4. Cabeceira (Salamba Sirsasana)

Headstand, como o nome transmite tudo o que é praticado pelo corpo trazendo em uma inversão. Equilibrar o corpo de cabeça para baixo mantendo apenas a cabeça no chão e as mãos em ambos os lados é bastante benéfico.

Estimula as glândulas pituitária e pineal e também ajuda a combater o estresse leve e a depressão. Pacientes de asma, sinusite e insônia acham terapêutico.

Como fazer:

  • Sente-se em Vajrasana e coloque as mãos opostas na base interna de seus braços.
  • Segurando os braços como tal, coloque os cotovelos no chão.
  • Junte as mãos formando um triângulo com os antebraços no chão.
  • Entrelace os dedos abrindo as palmas das mãos e os polegares. Junte as pontas dos dedinhos.
  • Abaixe a cabeça para o chão colocando a coroa da cabeça dentro de suas mãos.
  • Levante os quadris e endireite as pernas, mantendo os dedos dos pés dobrados.
  • Ande com os pés em direção à cabeça até que os quadris cheguem acima dos ombros.
  • Levante suavemente os pés do chão, um de cada vez, trazendo os joelhos em direção ao peito.
  • Fique aqui por 5 segundos e, em seguida, endireite lentamente as pernas para cima.
  • Mantenha essa posição por alguns segundos o maior tempo possível.

5. Postura do Escorpião (Vrischikasana)

A postura do escorpião é uma postura de equilíbrio que requer força do núcleo e mobilidade dos ombros. Ele traz o corpo em uma inversão e envolve flexão para trás. É ótimo para melhorar a circulação sanguínea e estimula a glândula pituitária. Essa postura também alonga os flexores do quadril e os músculos do peito, além de melhorar a flexibilidade da coluna.

Como fazer:

  • Em primeiro lugar, assuma o headstand como descrito acima.
  • Mantenha as palmas das mãos no chão ao lado da cabeça de cada lado e mantenha o pescoço relaxado.
  • Dobre os joelhos para abaixar os pés em direção aos quadris.
  • Abra o peito e levante a cabeça do chão mantendo o olhar no chão.
  • Mantenha a postura por alguns segundos mantendo as costas levemente curvadas.
  • Solte voltando ao headstand e depois abaixando os pés até o chão. Relaxe na pose da criança.

Precauções a ter em conta no Rocket Yoga

O Rocket Yoga segue a mesma abordagem do Power Yoga quando se trata de velocidade. Devido ao fluxo dinâmico do ritmo facial, vários riscos estão envolvidos com a sequência de rocket yoga. Portanto, tomar precauções é a coisa sensata a se fazer antes e durante a prática do Rocket Yoga.

  • Antes de entrar no rocket yoga, é recomendado trabalhar para ganhar força na parte superior do corpo e aptidão geral para acompanhar o ritmo desta prática.
  • Você deve acumular algum conhecimento básico de yoga considerando a respiração, bandhas e Drishti.
  • Familiarizar-se com a respiração pode prevenir tensões musculares e rupturas de ligamentos. Até mesmo o equilíbrio e a estabilidade são aprimorados ao sincronizar a respiração com o movimento, ajudando assim a praticar com segurança e evitando quedas.
  • O risco de lesões também pode ser evitado desenvolvendo uma melhor compreensão da forma, das poses e da duração de cada pose do ashtanga yoga.
  • Garanta um estilo de vida saudável e um regime de condicionamento físico e opte por uma rotina de exercícios adequada à sua saúde.
  • Recomenda-se tirar o número apropriado de dias de descanso para sua rotina de exercícios.
  • As mulheres grávidas consultem seus médicos e sigam a orientação adequada do instrutor antes de praticar a sequência de ioga de foguete.

Dicas para iniciantes de Rocket Yoga

Aqui estão algumas das dicas que todo novato deve aplicar para praticar com segurança o Rocket Yoga eliminando todas as lesões ou riscos associados a ele. Essas dicas também seriam úteis para aproveitar e aproveitar todos os benefícios do Rocket Yoga.

  • Não compare sua prática com outros praticantes.
  • Siga seu próprio ritmo reconhecendo os limites e potencialidades do seu corpo.
  • Seja paciente enquanto pratica e obtenha a perfeição ao longo do tempo, não da noite para o dia.
  • Aceite as modificações e improvisações do instrutor para sua prática. Isso ajudará a aumentar sua estabilidade e foco.
  • Lembre-se que a respiração é a chave para aproveitar a energia e dominar o fluxo dentro das poses.
  • Muitas vezes, é recomendável reunir experiência anterior em Hatha e Vinyasa Yoga antes de entrar no Rocket Yoga.

Benefícios do Rocket Yoga

Vários benefícios para a saúde são obtidos praticando o Rocket Yoga, o que faz com que essa prática incrivelmente rápida valha a pena tentar e aceitar o fato de que qualquer um pode fazer isso.

1. Ajuda a perder peso

Como você já sabe que o rocket yoga é uma prática incrivelmente rápida, serve como um intenso treino cardio. Isso ajuda a tonificar os músculos, deixa o corpo em forma e queima calorias. Portanto, praticar rocket yoga é tudo o que você deseja para voltar à forma e se livrar de toda a gordura corporal teimosa.

2. Aumenta a força e a flexibilidade

Já que a maioria de suas poses envolvem equilíbrio, estabilidade e alongamentos. Além disso, envolve todo o corpo com um fluxo suave de respiração e desenvolve resistência. O alongamento das articulações e músculos aumenta a flexibilidade e o torna mais forte.

3. Promove a saúde mental

Poses de sequência de rocket yoga envolvendo inversões, backbends e equilíbrio do corpo no chão trazem a atenção plena. Eles também promovem o fluxo de oxigênio e sangue para o cérebro, o que é benéfico para acalmar o cérebro. Assim, o foguete também promove a saúde mental e mantém questões como ansiedade, depressão e estresse à distância.

4. Melhora o equilíbrio e a estabilidade

Outro benefício do rocket yoga é que ele trabalha para melhorar as habilidades motoras. As poses realizadas sob a sequência de rocket yoga são mantidas por uma duração mais longa e no ritmo do rosto, o que não apenas fortalece os músculos, mas também ajuda a melhorar a coordenação mente-corpo. Também é terapêutico na cura da doença de Parkinson.

5. Aumenta a saúde cardiovascular

Devido ao ritmo acelerado do rocket yoga, o coração e o sistema circulatório também são exercitados. Aumenta a frequência cardíaca e permite uma melhor circulação e melhora a força cardiovascular.

Com a melhoria da saúde cardiovascular, os principais riscos associados ao coração e ao sistema circulatório, como pressão alta, acidente vascular cerebral, etc., podem ser eliminados. Além disso, mantém o colesterol sob controle, previne o diabetes e também fortalece os pulmões.

Conclusão

Se em algum momento da sua vida você se sentiu preso em sua rotina de exercícios, mas simplesmente não consegue abandoná-la, mudar para a sequência de rocket yoga é algo que você deve seguir. Ele ajuda você a atingir todas as suas metas de condicionamento físico sem sair da sua zona de conforto.

Rocket yoga pode ser visto como um treino divertido e prazeroso que funciona muito bem não apenas para sua saúde física, mas também leva em consideração a saúde psicológica. Basta seguir todas as medidas de segurança dadas acima e entrar nesse estilo benéfico de ioga.

 

Avalie este post
[Total: 1 Average: 5]

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
x