Pin It

Mudras e seu verdadeiro segredo para manifestar riquezas

Budismo

Budismo Linji Chan (Rinzai Zen) na China

Budismo Linji Chan (Rinzai Zen) na China

O Zen-budismo geralmente significa Zen japonês, embora também exista o chinês, o coreano e o zen vietnamita, chamados Chan, Seon e Thien, respectivamente.

Existem duas grandes escolas de zen japonês, chamadas Soto e Rinzai, originárias da China. Este artigo é sobre as origens chinesas do Rinzai Zen.

Chan é o Zen original, uma escola do Budismo Mahayana fundada na China do século VI. Por um tempo, havia cinco escolas distintas de Chan, mas três delas foram absorvidas em uma quarta, Linji, que se chamaria Rinzai no Japão. A quinta escola é Caodong, que é o ancestral do Soto Zen.

Budismo Linji Chan – Contexto histórico

A escola Linji surgiu durante um período turbulento na história chinesa. O professor fundador, Linji Yixuan, provavelmente nasceu por volta de 810 EC e morreu em 866, que ficava perto do fim da dinastia Tang.

Linji teria sido um monge quando um imperador Tang baniu o budismo em 845. Algumas escolas de budismo, como a esotérica escola Mi-tsung (relacionada ao Shingon japonês ) desapareceram completamente por causa da proibição, e o Budismo Huayan quase o fez.

A Terra Pura sobreviveu porque gozava de ampla popularidade, e Chan foi largamente poupado porque muitos de seus mosteiros estavam em áreas remotas, não nas cidades.

Quando a dinastia Tang caiu em 907, a China foi jogada no caos. Cinco dinastias governantes vieram e foram rapidamente; A China se dividiu em reinos. O caos foi subjugado após a criação da dinastia Song 960.

Durante os últimos dias da Dinastia Tang e através do caótico período das Cinco Dinastias, surgiram cinco escolas distintas de Chan que vieram a ser chamadas as Cinco Casas.

Para ter certeza, algumas dessas casas estavam tomando forma enquanto a Dinastia Tang estava no auge, mas foi no início da Dinastia Song que elas eram consideradas escolas por direito próprio.

Destas Cinco Casas, Linji provavelmente era mais conhecido por seu estilo excêntrico de ensino. Seguindo o exemplo do fundador, Mestre Linji, os professores de Linji gritaram, agarraram, atacaram e maltrataram estudantes como um meio de chocá-los ao despertar. Isso deve ter sido eficaz, pois Linji se tornou a escola dominante de Chan durante a dinastia Song.

Veja mais: Clarividência, Mediunidade e Projeção da Consciência

Budismo Linji Chan – Contemplação Koan

A maneira formal e estilizada da contemplação koan praticada hoje em Rinzai se desenvolveu na dinastia Song Linji, embora muito da literatura koan seja muito mais antiga.

Basicamente, koans (em chinês , gongan ) são perguntas feitas por professores zen que desafiam respostas racionais. Durante o período da Canção, Linji Chan desenvolveu protocolos formais para trabalhar com koans que seriam herdados pela escola Rinzai do Japão e ainda hoje são usados ​​em geral.

Neste período, as coleções clássicas de koans foram compiladas. As três coleções mais conhecidas são:

  • Biyan Lu (em japonês, o Hekiganroku , comumente traduzido por “The Blue Cliff Record”), compilado em sua forma final por Yuanwu Keqin (1063-1135)
  • Congrong Lu (em japonês, o Shoyoroku , comumente traduzido como “O Livro da Equanimidade” ou “O Livro da Serenidade”), compilado por Hongzhi Zhengjue (1091-1157). Note que o Mestre Hongzhi na verdade era da escola de Caodong, não de Linji.
  • Wumenguan (em japonês, o Mumonka n, comumente traduzido por “The Gateless Gate”), compilado por Wumen Hui-k’ai (1183-1260)

Até hoje, a principal distinção entre Linji e Caodong, ou Rinzai e Soto, é a abordagem dos koans. Em Linji / Rinzai, os koans são contemplados através de uma prática particular de meditação; os alunos são obrigados a apresentar seu entendimento aos professores e podem ter que apresentar o mesmo koan várias vezes antes que a “resposta” seja aprovada.

Este método leva o estudante a um estado de dúvida, às vezes de intensa dúvida, que pode ser resolvido através de uma experiência de iluminação chamada kensho em japonês.

Em Caodong / Soto, os praticantes se sentam silenciosamente em um estado de alerta mental, sem se esforçarem para qualquer objetivo, uma prática chamada shikantaza, ou “apenas sentado”.

No entanto, as coleções de koan listadas acima são lidas e estudadas em Soto, e koans individuais são apresentados aos praticantes reunidos em palestras.

Veja mais: Clarividência, Mediunidade e Projeção da Consciência

Transmissão para o Japão

Acredita-se que Myoan Eisai (1141-1215) seja o primeiro monge japonês a estudar Chan na China e voltar a ensiná-lo com sucesso no Japão. Eisai era uma prática de Linji combinada com elementos do Budismo Tendai e esotérico. Seu herdeiro do dharma Myozan por um tempo foi o professor de Dogen, fundador do Soto Zen.

A linhagem de ensino de Eisai durou algumas gerações, mas não sobreviveu. No entanto, dentro de alguns anos, vários outros monges japoneses e chineses também estabeleceram linhagens Rinzai no Japão.

Linji na China após a dinastia Song

Quando a dinastia Song terminou em 1279, o budismo na China já estava em declínio. Outras escolas de Chan foram absorvidas em Linji, enquanto a escola de Caodong desapareceu completamente na China. Todos os Budismo Chan sobreviventes na China são de linhagens de ensino de Linji.

O que se seguiu para Linji foi um período de mistura com outras tradições, principalmente a Terra Pura. Com alguns períodos notáveis ​​de avivamento, Linji, na maior parte, era uma cópia pálida do que tinha sido.

Chan foi reavivado no início do século 20 por Hsu Yun (1840-1959). Embora reprimido durante a Revolução Cultural, Linji Chan hoje tem um forte número de seguidores em Hong Kong e Taiwan e um crescente número de seguidores no Ocidente.

Sheng Yen (1930-2009), um herdeiro do dharma de terceira geração de Hsu Yun e um 57º herdeiro geracional do Mestre Linji, tornou-se um dos mais proeminentes mestres budistas do nosso tempo.

O Mestre Sheng Yen fundou a Dharma Drum Mountain, uma organização budista mundial com sede em Taiwan.






Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.